"PORQUE NARCISO ACHA FEIO O QUE NÃO É ESPELHO" (Caetano Veloso).

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

SALVO-CONDUTO


[Imagem: Apollo and Marsyas - Bartolomeo Manfredi
Vídeo:  Do the evolution - Pearl Jam]

Você pode me bater na cara
E achincalhar meus antepassados;
Pode coroar-me pária,
Conceder comenda de desprezo, abjeção.

Você pode envergonhar meu nome
E maldizer toda a minha descendência.
Pode, ao seu capricho, urinar sobre meus versos,
Propalar defeitos, mesmo os que não tenha.

Você pode escarnecer quando me vir,
E cortar rua, estimulando que outros o façam.
Pode presentear-me com esterco,
Pisar sobre as hortênsias de meu jardim.

Você pode rezar contra a minha sorte
E semear pregos por onde eu passe.
Pode afiançar publicamente minhas fraquezas,
Endossar que sou reles, valho pouco.

Você pode conspurcar-me a existência
E atear fogo ao que me é sagrado.
Pode beber de meu vinho para cuspi-lo,
Duvidar de meu caráter, minhas verdades.

Você pode rasgar a flâmula de minha honra
E as vestes que me cobrem as vergonhas.
Pode, por vaidade, ressaltas feiuras,
Regozijar-se ao me encontrar ferido.

Você pode me açoitar – eu aguento.
Pode me acossar – eu enfrento.
Você pode o que quiser – eu não lamento.

Só não macule o riso de quem amo,
Nem queira nodoar sua virtude.

Se algum favor me permite – não o peço – clamo:
Recua a tua língua, a tua mão, muito e amiúde.

Recolha o teu desejo e o teu fervor.
Porque o meu instinto não resisto a esse dano

E eu aniquilo quem ferir o meu amor.

[Dos: POEMAS RECÉM-NASCIDOS]

15 comentários:

Zélia Guardiano disse...

Agnaldo, meu querido amigo, grande poeta
Poucas vezes li um poema, assim, tão lindo!
Fico impressionada com a habilidade que você tem , no trato com as palavras.
Você as convence, elas lhe obedecem:cada uma se posta no lugar mais adequado, mais acertado, para a composição de versos que sá você sabe.
Parabéns!
Um abraço apertado

Neuzza Pinhero disse...

dia de sol e eu vim logo cedo, antes do trampo, me alimentar e saio embebida de luz e saio cabeça ainda mais erguida, os princípios
tinindo nesse poema ético, um épico
ao seu amor, um épico do amor universal, tão rico dessas imagens,
coisas que só você tece, Agnaldo.
E veste a todos nós.
um beijo, poeta!

DRAGÃO DOURADO disse...

Queridoooooooo, passei para te deixar um grande abraço e desejar uma linda semana.
Seu blog é O CHARME!
beijinssssssss carinhosos

DRAGÃO DOURADO

Eliane Furtado disse...

Onde vou está este Dragão. Ora azul ora dourado ksksksksk.
Depois de quatro dias sem fazer nada, a preguiça bateu. Mas li este poema lindo e fiquei pensando nos versos. Acho que despertei.

DRAGÃO DOURADO disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk é isto aí Lili e se bobear acabarei me transformando em uma linda BUTTERFLY kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...

DRAGÃO DOURADO

AGNALDO NO ESPELHO disse...

Zélia, pessoa de alma macia,

Acho que as palavras me convencem de seus desejos e vão me domando, dominando; de forma que se acomodam onde querem e eu só tenho o trabalho de admirá-las e agradecê-las quando me são generosas.

Elas é que me encabrestam, visto que saímos para caminhar de mãos dadas somente quando elas desejam. Os versos só passeiam quando a vontade da palavra está bem disposta. E, você bem sabe, não se tem poder sobre elas mais do que têm sobre nós.

Faz-me muito bem saber que tenha gostado tanto. Essa é a recompensa, a melhor de todas; saber que o poema encontrou casa e que sua voz ecoou em outras almas. Ganha-se o dia (ou a vida, vai saber...).

Ah, não me agradeça. Eu é que, humildemente, agradeço por compartilhar comigo suas impressões.

Super beijo.

AGNALDO NO ESPELHO disse...

Neuzza querida,

O amor tem dessas coisas. Desperta o melhor e o pior de nós. Faz com que voltemos ao primitivo e que nossas garras interiores se afiem além do que o cotidiano está habituado.

Olha se não tenho razão de estar todo "pimpão", ter você como visita antes de seus afazeres é um privilégio, o qual recebo com um orgulho reluzente de fazer gosto.

Se eu sair na varanda agora, todas serão capazes de me ver refletindo a felicidade que é receber uma visita querida logo cedo.

Que bom que seja assim.

Super beijo.

AGNALDO NO ESPELHO disse...

Dragão das mil faces e formas,

Você batendo asas por aqui traz uma atmosfera mística ao blog. Além do charme (que você mencionou), agora ele está mágico e, se duvidar, vai poder voar draconicamente.

Bata asas nesse blog quando quiser. A casa é grande e o coração também.

Super beijo.

AGNALDO NO ESPELHO disse...

Eliane, Eliane,

O que andou aprontando nesses dias de preguiça? Tomara que tenha curtido tudo, quer seja o descanso, quer o cansaço por ter feito absolutamente aquilo que queria.

E se o poema contribuiu para que despertasse, isso é ótimo. O amor, em todas as suas variáveis, nos chacoalha mesmo... rsrsrs...

Ah, você viu, dragão lindamente voejando por aqui? Meu pós-feriado está sendo pródigo, com tantas pessoas queridas e visitas surpreendentes.

Super beijo.

AGNALDO NO ESPELHO disse...

Dragão metamórfico,

Quando se "borboletizar" não esqueça de vir polinizar minhas flores. Vou deixar uns vazinhos de lavanda especialmente para você.

Super beijo.

Silene Neves disse...

Então...

Te vi por aí... seu comentário no blog de alguém me atraiu...e não errei! Maravilhoso tudo que vejo refletido nesse "espelho"!

E... sem esforço nenhum... fico para te seguir... feliz!

Linda noite... dias de paz!

Deixo beijo
Com carinho
Sil
Sempre aqui

AGNALDO NO ESPELHO disse...

Silene,

Deve ser o cheiro da lavanda... [Depois explico].

Olha, o que de melhor reflete nesse espelho é o rosto de quem, tão generosamente, se dispõe a olhar. É essa a verdadeira beleza, o reflexo da própria alma.

Eu fico feliz e lisonjeado que você tenha seguido meu rastro até aqui. Como te disse, deve ser o cheiro da lavanda, porque esta casa está sempre aberta e com vasos de lavanda espalhados pelas janelas. E o coração, a exemplo de tudo, é confortável e acolhedor.

Quando vier (e que sempre venha), não se acanhe. Abra gavetas, geladeira, armários... Familiarize-se e deixe recados no vapor do espelho, porque é assim que se constrói intimidade.

Seja bem-vinda. Sinta-se em casa. Descarregue sua necessaire na bancada mais próxima para que haja um espelho só seu.

Super beijo.

Eliane Furtado disse...

Cuidado com o Dragão. ksksksksks
Bom dia Poeta.
Estou de bobs. Até o próximo procedimento. ksksksksk

Lara Amaral disse...

Salvo estamos nós, com sua poesia. Tão bonita sua exceção! =)

Beijo.

AGNALDO NO ESPELHO disse...

Lara,

Salvamo-nos todos, então. Que a poesia seja a tábua de salvação, e que ninguém queira desvirtuar o amor que sentimos ou as pessoas que amamos.

Super beijo.